Porto está entre as 100 cidades neutras em carbono até 2030
Porto está entre as 100 cidades neutras em carbono até 2030

Porto está entre as 100 cidades neutras em carbono até 2030

Partilhar:

Texto escrito por Mariana Melo

Além do Porto, Guimarães e Lisboa estão entre as 100 cidades escolhida pela União Europeia para serem neutras em carbono até 2030. Estas cidades ou agrupamentos de municípios vão receber 360 milhões de euros, através do programa Horizonte Europa, de forma a tornarem-se em centros de experimentação rumo ao objetivo da neutralidade carbónica.

Foi somado um total de 362 candidaturas válidas e selecionados 100 candidatos de todos os 27 países da União Europeia, abrangendo 12% da população.

França foi o país com o maior número de candidaturas aprovadas (10), seguida da Alemanha e de Itália (9 cada) e também Espanha e Suécia (com 7 cada). Adicionalmente, foram escolhidas 12 cidades de países associados ao programa Horizonte Europa (Albânia, Bósnia e Herzegovina, Islândia, Israel, Montenegro, Noruega, Reino Unido e Turquia).

“A inclusão do Porto neste restrito lote das 100 cidades líderes na ambição de descarbonização a nível europeu é mais um reconhecimento internacional de que estamos a desempenhar bem a nossa missão, rumo a uma cidade cada vez mais sustentável”, afirmou o vice-presidente da Câmara Municipal do Porto, Filipe Araújo, na reação oficial do Município.

“Esta Missão, que agora é atribuída ao Porto, é um apoio fundamental para fazer de todo este desígnio uma realidade em 2030. Estamos preparados para cumprir”, acrescentou o responsável pelos pelouros do Ambiente, Transição Climática e Inovação e Transição Digital, da Cidade Invicta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.