Aluno acusado de agredir professora numa escola do Porto
Aluno acusado de agredir professora numa escola do Porto

Aluno acusado de agredir professora numa escola do Porto

Partilhar:

Docente de escola secundária do Porto participou o incidente à PSP. Alegado agressor foi suspenso preventivamente e aguarda procedimento disciplinar.

Um aluno expulso da sala, por alegado mau comportamento, aguardou o final da aula e voltou para confrontar a professora. A docente queixou-se à Polícia de ter sido empurrada, agredida e insultada. A Direção da Escola Básica e Secundária Fontes Pereira de Melo, no Porto, abriu um procedimento disciplinar e o rapaz de 16 anos foi suspenso preventivamente, por um prazo máximo de dez dias úteis ou enquanto decorrer o inquérito, como determina o Estatuto do Aluno.

O incidente ocorreu por volta das 10:30 horas da manhã de quinta-feira, no intervalo das 10:20 -10:40 horas, mas teve uma causa remota. Foi durante a aula de Economia do 11.º ano: em brincadeira com um colega, o alegado agressor magoou-se num dedo e terá reagido com “agressividade, aos pulos e a soltar palavrões”, segundo testemunhos de alguns alunos da turma. Foi repreendido pela professora e não terá gostado da forma como foi advertido tendo partido para a agressão à docente após algumas trocas de palavras, motivo que levou a ser expulso da aula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.