Bicicletas e Autocarros Vão Partilhar Faixa de BUS em Gaia
Bicicletas e Autocarros Vão Partilhar Faixa de BUS em Gaia

Bicicletas e Autocarros Vão Partilhar Faixa de BUS em Gaia

Partilhar:

A Câmara de Vila Nova de Gaia, no distrito do Porto, anunciou a instalação de uma nova ciclovia que partilhará espaço com a faixa de BUS em alguns troços da cidade. A medida, aprovada por unanimidade na reunião de câmara desta segunda-feira, pretende melhorar a mobilidade e segurança dos ciclistas, além de reduzir o estacionamento ilegal.

Segundo o presidente da Câmara de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, a ciclovia será dividida em dois troços distintos:

  1. Jardim do Morro até à zona do El Corte Inglés: Este segmento terá uma ciclovia totalmente dedicada, com 1,8 metros de largura em cada sentido, delimitada por mecos e apenas interrompida nas rampas de acesso a garagens, paragens de autocarro e zonas de cargas e descargas.
  2. El Corte Inglés até à ligação com a Estrada Nacional 222, junto à estação de metro D. João II: Neste trecho, bicicletas e autocarros compartilharão a mesma via, como já acontece na Estrada Nacional 222 desde D. João II até aos Arcos do Sardão.

O presidente da Câmara de Gaia confirmou que, para já, a ciclovia não incluirá a zona da Avenida da República entre D. João II e Santo Ovídio.

Detalhes do Projeto

  • Primeiro Troço: A ciclovia terá uma largura de 1,8 metros e será delimitada por mecos, exceto em áreas específicas como rampas de acesso a garagens, paragens de autocarro e zonas de cargas e descargas.
  • Segundo Troço: Será mantida uma das duas vias de trânsito para a instalação conjunta de um corredor BUS e ciclovia.

Considerações e Ajustes

O projeto também aborda preocupações econômicas e de segurança:

  • Cargas e Descargas: Foram criados novos lugares para cargas e descargas nas transversais da Avenida da República e em áreas onde o passeio tem mais de cinco metros de largura.
  • Segurança: As viragens à direita dos veículos, consideradas pontos críticos, serão destacadas com pintura e sinalização vertical a cerca de 25 metros da viragem.
  • Paragens de Autocarros: Devido à impossibilidade imediata de desviar a ciclovia, estas áreas serão tratadas com marcas rodoviárias e balizas flexíveis para conciliar o tráfego pedonal e ciclista.

Implementação e Prazo

Eduardo Vítor Rodrigues reuniu-se com os comerciantes locais para discutir a instalação da ciclovia, ressaltando que o principal problema apontado foi o estacionamento ilegal. A obra deve ser concluída até o final do mês, embora sem um prazo específico confirmado.

O projeto também inclui ajustes na sinalização luminosa para dar prioridade ao canal BUS e ciclovia na área da Casa da Presidência, em ambos os sentidos, em coordenação com o Metro do Porto.

Esta iniciativa representa um avanço significativo na melhoria da infraestrutura de mobilidade em Vila Nova de Gaia, promovendo um ambiente mais seguro e acessível para ciclistas e utilizadores de transporte público.

Foto: DR

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *