Centenas de Boavisteiros no último adeus a Manuel do Laço
Centenas de Boavisteiros no último adeus a Manuel do Laço

Centenas de Boavisteiros no último adeus a Manuel do Laço

Partilhar:

O universo do Boavista despediu-se esta quarta-feira (21 de junho) de Manuel do Laço, famoso adepto dos axadrezados, falecido no último domingo, aos 89 anos. A Igreja do Santíssimo Sacramento, no Porto, acolheu inúmeros boavisteiros que quiseram prestar uma última homenagem a quem dedicou toda a sua vida ao centenário emblema, mesmo nos anos em que esteve emigrado nos Estados Unidos da América.

Conhecido pelas suas arrojadas vestes de xadrez preto e branco – algumas delas ficarão como espólio do Museu do clube, no Estádio do Bessa –, Manuel do Laço terá como última morada o Cemitério de Agramonte, para onde o corpo seguiu após missa, num percurso marcado pela dor, mas também pelas inúmeras memórias que haverão de perpetuar aquele associado símbolo das panteras, que granjeou um enorme respeito de emblemas rivais.

Fary Faye, administrador da SAD do Boavista e antiga glória do futebol profissional, foi dos mais importantes representantes dos axadrezados naqueles momentos de homenagem – o presidente Vítor Murta havia comparecido no dia anterior, no velório, tal como Pedro Proença, presidente da Liga Portugal –, que também foi partilhado por Valentim Loureiro, Álvaro Braga Júnior, Manuel Barbosa, João Fritas e Cipriano Santos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *