Grande Porto aumentou a reciclagem de resíduos verdes e alimentares em 2023
Grande Porto aumentou a reciclagem de resíduos verdes e alimentares em 2023

Grande Porto aumentou a reciclagem de resíduos verdes e alimentares em 2023

Partilhar:

No ano passado, os municípios da Lipor produziram menos lixo doméstico, enquanto a reciclagem de biorresíduos e materiais aumentou em comparação com 2022.

A incineração de resíduos permitiu a produção e exportação de energia elétrica, evitando a emissão de 105 mil toneladas de dióxido de carbono. Houve uma redução de 4519 toneladas de lixo produzido em relação a 2022.

A reciclagem de biorresíduos e outros materiais aumentou, com destaque para um crescimento de 8% na recolha de resíduos verdes e alimentares.

A Lipor registou um aumento de 3% na reciclagem de papel, cartão, plástico, metal e vidro.

A incineração de resíduos na central de valorização energética em Maia contribuiu para a produção e exportação de 163182 MWh de energia elétrica. Esses processos resultaram numa redução significativa na emissão de gases de efeito estufa, equivalente a evitar a circulação de 40 mil carros por ano.

A Lipor destaca que apenas 2% dos resíduos produzidos foram depositados em aterro, totalizando 11546 toneladas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *