Homem com pulseira eletrónica por crime de violência doméstica em Paredes

Homem com pulseira eletrónica por crime de violência doméstica em Paredes

22/12/2021 0 Por admin
Partilhar:

A GNR de Penafiel deteve na passada segunda-feira, dia 20 de dezembro, um homem de 41 anos por crime de violência doméstica, no concelho de Paredes.

Segundo o comunicado das autoridades enviado à Rádio Metropolitana Porto, após investigações, os militares do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel, apuraram que o suspeito, caracterizado por ser uma pessoa impulsiva e violenta, agia sob violência verbal e física a sua esposa de 39 anos, com quem era casado há 11 anos.

O comunicado da GNR refere ainda que, “Foi possível apurar-se ainda que a relação entre ambos sempre foi pautada por episódios de violência verbal e física. No último ano, a vítima conseguiu manter uma atividade profissional enquanto o suspeito esteve emigrado, facto que levou o agressor a adotar estratégias para controlar as rotinas da vítima, passando ainda a adotar um comportamento extremamente possessivo, limitando as pessoas com quem se deveria relacionar. Após o regresso do agressor, os episódios de violência aumentaram, levando a que a vítima fosse alvo de novas agressões físicas e de ameaças de morte, factos que levaram a mesma a abandonar a residência, juntamente com os dois filhos de 9 e 11 anos”, conclui o comunicado da GNR..

Perante os factos, o suspeito foi detido e presente para primeiro interrogatório no Tribunal de Instrução Criminal (TIC) de Penafiel, onde ficou sujeito às medidas de coação de proibição de se aproximar, permanecer ou frequentar a habitação da vítima, proibição de a contactar, por qualquer forma ou meio ou por interposta pessoa, controlado por pulseira eletrónica, num raio de 500 metros.