Maia avança com a aprovação de 700 projetos para habitação social
Maia avança com a aprovação de 700 projetos para habitação social

Maia avança com a aprovação de 700 projetos para habitação social

Partilhar:

A Câmara Municipal da Maia avançou significativamente no âmbito do programa 1.º Direito, destinado a abordar as questões de habitação social, ao dar luz verde a 700 dos 757 projetos planeados para o concelho.

Esta decisão foi comunicada após a última reunião do executivo municipal, na qual também foram aprovadas propostas para adquirir terrenos e erigir residências em áreas específicas.

O presidente da câmara, António Silva Tiago, enfatizou a importância dessas iniciativas, representando um investimento de 106 milhões de euros para atender às necessidades habitacionais das famílias em situação de vulnerabilidade.

Com a data limite para a aprovação dos projetos restantes se aproximando, a câmara demonstrou confiança na conclusão oportuna dos processos, abrindo caminho para o lançamento de concursos públicos internacionais.

Está previsto que as construções habitacionais sejam concluídas até 2026, embora existam preocupações sobre a capacidade das empresas construtoras lidarem com o volume de trabalho.

O programa 1.º Direito, inserido na Nova Geração de Políticas de Habitação, tem como objetivo fornecer soluções condignas para as famílias mais desfavorecidas do concelho. O acordo de colaboração firmado entre o IHRU e o município desempenha um papel fundamental na erradicação de condições habitacionais precárias, beneficiando diretamente 757 famílias e outras 136 através de intervenções diretas.

As soluções habitacionais englobam arrendamento para posterior subarrendamento, reabilitação e construção de imóveis, bem como a aquisição de frações ou edifícios residenciais.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *