Marco Paulo esclarece na SIC “bronca” com a TVI

Marco Paulo esclarece na SIC “bronca” com a TVI

29/03/2021 0 Por admin
Partilhar:

A imprensa tinha adiantado nestes dias que a TVI estava a tentar contratar Marco Paulo, sabendo que a concorrência já está na “luta”. Na passada sexta-feira, a Media Capital (TVI) reagiu ao início da noite e negou o interesse na contratação de Marco Paulo.

Num dos pontos desse comunicado, foi dito algo pouco simpático a respeito da alegada conduta do cantor: “Não podemos deixar de manifestar a nossa estranheza, quando confrontados com fotografias públicas sobre esses momentos supostamente reservados, o que nos leva a crer, que por trás desta ação poderá existir uma tentativa tosca e grosseira de especulação sobre o valor de mercado de Marco Paulo, num momento de negociação do seu contrato que possa estar a ocorrer com outro canal televisivo.”

Já esta segunda-feira, dia 29 de março, Marco Paulo, com um look arrojado, surgiu para uma conversa com Júlia Pinheiro, e fez questão de colocar os pontos nos is. “Estou aqui na SIC para algumas coisas que foram faladas e que não gostei. Eu não trato mal ninguém, portanto não admito, que por motivo de audiência ou de canais, me metam numa situação que não gosto”, começou por dizer o artista.“

Eu sou cantor, eu não sou apresentador de programas… mas já me portei bem, durante 2 anos estive na RTP, e foi um sucesso de audiências. Agora nesta altura, não sei porquê…”, acrescentou, antes de Júlia Pinheiro, levar a emissão para intervalo.

Quando regressou, Marco Paulo voltou ao assunto e começou por dizer: “Fui metido numa teia a qual eu não tive culpa nenhuma. Há dois canais, e há uma pessoa que é disputada… por acaso fui eu, mas podia ser outra pessoa qualquer.”

“É muito estranho dar-se um comunicado, quando se fala com a pessoa. Eu já tinha almoçado e jantado com a pessoa, de quem era amigo pessoal. Não vou revelar nomes (…) Um dia estava num concerto, que estava a ser transmitido nos ecrãs da SIC, e recebo um telefonema de alguém, precisamente a dizer-me que eu não tinha de estar na SIC, que devia estar noutro canal… se eu tinha contrato com a SIC, se não tinha, que ia entrar em contacto com a direção desse canal”, acrescentou.“

Falei com a SIC, falei com as pessoas do outro canal… até que me pediram para ter um almoço com administradores lá do outro canal. Arranjaram-me um chauffeur da empresa, vieram-me buscar, vieram-me trazer, o almoço foi muito simpático. Acabamos por falar de muitas coisas.”

Mais à frente, o artista acabou por dizer que recebeu alguém da estação em sua casa e que até existem registos desse momento: “A conversa foi muito agradável, tiramos muitas fotografias… e não ficamos a olhar um para o outro, existiram conversas.”

Sobre o que lhe teria sido oferecido na TVI, o cantor acabou por explicar que seria “a segunda figura do canal”, e foi-me oferecido um concerto num cruzeiro.

O cantor ainda reforçou a promoção do seu concerto no Porto, no próximo dia 18 de setembro deste ano.