Município de Gondomar vota investimento de 10ME para requalificar escolas e centro de saúde
Município de Gondomar vota investimento de 10ME para requalificar escolas e centro de saúde

Município de Gondomar vota investimento de 10ME para requalificar escolas e centro de saúde

Partilhar:

Em Gondomar, a saúde e a educação são áreas de extrema prioridade. Por esse motivo, o município está prestes a votar, nesta sexta-feira, dia 8 de março, um investimento de aproximadamente 10 milhões de euros para a requalificação das escolas nas freguesias de São Pedro da Cova e Valbom, além de abranger a Unidade de Saúde de Gondomar.

O anúncio foi feito pela câmara municipal na quinta-feira, dia 7, conforme reportado pelo Porto Canal. Esta será a primeira vez desde 1987 que a escola sede do Agrupamento de Escolas de Valbom passará por modificações significativas.

Quanto ao prazo estimado para a conclusão das melhorias na escola mencionada, espera-se que leve cerca de um ano (365 dias). O investimento para este agrupamento, de acordo com as estimativas da câmara municipal de Gondomar, deverá situar-se em torno dos 3,2 milhões de euros.

Já na Escola Secundária de São Pedro da Cova, o investimento será semelhante, aproximadamente 3,1 milhões de euros no total. No entanto, o prazo de execução previsto é um pouco mais longo, cerca de um ano e meio (18 meses), conforme informado pela mesma fonte.

Além dos investimentos na educação, há também o planejamento para a requalificação e ampliação da Unidade de Saúde de Gondomar, que inclui as Unidades de Saúde Familiar do Monte Crasto, Renascer e Sete Caminhos. Mais uma vez, o investimento será significativo, superior a 3 milhões de euros, estimando-se em cerca de 3,5 milhões de euros de acordo com o Porto Canal.

A conclusão desta última obra está prevista para aproximadamente um ano (12 meses). Com estas iniciativas, a Câmara Municipal de Gondomar demonstra o seu compromisso com dois pilares essenciais da sociedade, saúde e educação, totalizando um investimento municipal aproximado de 10 milhões de euros.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *