Ponte da Arrábida celebra hoje 59 anos
Ponte da Arrábida celebra hoje 59 anos

Ponte da Arrábida celebra hoje 59 anos

Partilhar:

A 22 de junho de 1963, o presidente da República, Américo Tomás, inaugurou a ponte em arco sobre o Douro: “O feito mais notável da engenharia portuguesa”, escrevia então o Jornal “Diário de Notícias”.

Edgar Cardoso, engenheiro mundialmente reconhecido e responsável pelo projeto, foi condecorado com as insígnias de grande-oficial da Ordem Militar de Santiago da Espada, assim como as viúvas dos operários falecidos na obra e alguns operários.

Esta ponte foi considerada uma “obra-prima” deste tipo de engenharia e, tal como refere a Direção-Geral do Património Cultural, a ser “reconhecida a nível internacional”.

A Ponte da Arrábida foi a segunda ponte de circulação rodoviária criada com o intuito de ligar as margens do Porto e de Vila Nova de Gaia.

“Constitui igualmente a primeira grande ponte sobre o rio Douro integralmente concebida, projetada e construída por técnicos e empresas portuguesas, atestando a capacidade dos projetistas e construtores nacionais, e constituindo ainda hoje um dos mais significativos monumentos da engenharia portuguesa do século XX”, lê-se no site da DGPC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.