Póvoa de Varzim apoio campanha “SOS Azulejo” da PJ

24/02/2021 0 Por admin
Partilhar:

A Câmara Municipal da Póvoa de Varzim associa-se ao Museu de Polícia Judiciária, na dependência do Instituto de Polícia Judiciária e Ciências Criminais (IPJCC), e à sua campanha “SOS Azulejo”.

A “SOS Azulejo” resulta de várias denúncias sobre a tendência de desvalorização do Património Azulejar Português, em obras de restauro de fachadas azulejadas, os azulejos originais foram  destruídos (nalguns casos terão sido vendidos) e substituídos por réplicas; as fachadas mantiveram-se azulejadas, mas a custo da perda de património de azulejaria histórica e/ou artística valiosíssimo e insubstituível.

A destruição de azulejos originais e a sua substituição por réplicas em obras de restauro de fachadas são as preocupações que deram origem a esta campanha que pretende chamar a atenção para a desvalorização do Património Azulejar Português. No site “Originais sim/já, réplicas só qdo os não há!” poderá encontrar informação útil acerca da campanha que sublinha que destruir azulejos originais antigos de fachadas equivale a destruir qualquer outro património histórico e cultural.

A campanha irá, ainda, premiar os melhores projetos de proteção e valorização do património azulejar português e/ou de origem/tradição portuguesa, que tenham decorrido até ao final de 2020 e à qual os municípios poderão também concorrer. As inscrições estão abertas até 31 de março.