Serralves em Festa abre as portas ao público
Serralves em Festa abre as portas ao público

Serralves em Festa abre as portas ao público

Partilhar:

O festival Serralves em Festa, no Porto, inicia-se às 18h00 desta sexta-feira com 50 horas de programação cultural consecutiva, destacando-se artistas como Tangerine Dream, Agnès Geoffray e África Negra, entre outros.

Celebrando 20 anos desde a sua primeira edição, o Serralves em Festa apresenta uma programação com artistas de mais de 20 nacionalidades, abrangendo música, dança, performance, circo contemporâneo, teatro, cinema e fotografia. Todas as atividades são de entrada gratuita e decorrem até domingo.

Pensado para todos os públicos, o festival oferece ainda um conjunto de atividades dirigidas ao público infantil, incluindo oficinas, visitas guiadas, teatro e uma biblioteca itinerante aberta durante todo o evento.

Hoje, os Tangerine Dream, pioneiros na fusão de rock com eletrónica, atuam no Prado às 23h00. “A mais recente formação da banda continua este legado, regressando ao som clássico dos sequenciadores com instrumentais plenos de uma singular energia hipnótica”, lê-se na sinopse do espetáculo.

A programação musical destaca também os Glockenwise, com Ana Deus como convidada especial, e as sonoridades de São Tomé e Príncipe trazidas pela banda África Negra. Outros concertos incluem Fimber Bravo, Jessica Moss, Petron Sphene, Lagoss, Aggressive Girls, entre outros.

Nas artes performativas, Serralves acolhe “Strong Born” da coreógrafa Kat Válastur, e a instalação e performance “Terra Cobre” de João Pais Filipe e Marco da Silva.

No teatro, serão apresentados “O Estado do Mundo” pela companhia Formiga Atómica e “Las Vacaciones de Madame Roulotte” do coletivo espanhol La Bleda.

O circo contemporâneo estará representado com os espetáculos “A Journey”, “Sol Bemol”, “Esencial” e “El Taller de Malabares L’Espetacle”.

O evento oferece também a oportunidade de visitar exposições como “Yayoi Kusama: 1945 – Now”, “Anagramas improváveis: obras da coleção de Serralves”, “Manoel de Oliveira e o cinema português”, “C.A.S.A (Coleção Álvaro Siza, Arquivo)”, “Joan Miró/Alexander Calder: espaço em movimento”, “Pré/Pós-Declinações visuais do 25 de Abril”, entre outras.

No ano passado, o Serralves em Festa recebeu mais de 290 mil visitantes, um recorde em todas as edições.

Foto: DR

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *