Vários concelhos da Área Metropolitana do Porto em risco muito elevado
Vários concelhos da Área Metropolitana do Porto em risco muito elevado

Vários concelhos da Área Metropolitana do Porto em risco muito elevado

Partilhar:

São 47 os concelhos em risco muito elevado e 43 com risco elevado de transmissão de covid-19, anunciou a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, esta quinta-feira.

Desta forma, são agora 90 os concelhos em que se aplicam regras mais restritas, nomeadamente o recolher obrigatório entre as 23h e as 5h, bem como a exigência de certificado de vacinação ou teste negativo.

As medidas que se aplicam aos concelhos, são:- Limitação da circulação na via pública entre as 23h e as 5h;- Restaurantes podem funcionar até às 22h30.

Às sextas-feiras a partir das 19h e aos sábados, domingos e feriados durante todo o dia, o acesso a restaurantes para serviço de refeições no interior está permitido apenas aos portadores de certificado digital ou teste negativo. A limitação do número de pessoa por mesa mantém-se: máximo de 4 pessoas por mesa no interior e de 6 pessoas por mesa na esplanada; – Exigência de certificado digital ou teste negativo para o acesso a estabelecimentos turísticos e de alojamento local; – Teletrabalho obrigatório quando as atividades o permitam;- Espetáculos culturais até às 22h30; – Casamentos e batizados com 25% da lotação; – Comércio a retalho alimentar até às 21h00 durante a semana e até às 19h00 ao fim de semana e feriados; – Comércio a retalho não alimentar e prestação de serviços até às 21h00 durante a semana e até às 15h30 ao fim de semana e feriados;- Permissão de prática de modalidades desportivas de médio risco, sem público; Permissão de prática de atividade física ao ar livre até seis pessoas e ginásio sem aulas de grupo; – Eventos em exterior com diminuição de lotação, a definir pela DGS; – Loja de Cidadão com atendimento presencial por marcação. Aprovada venda de autotestes rápidos em supermercados:

“O Governo aprovou hoje um decreto-lei que permite a venda dos autotestes nos supermercados”, indicou a ministra da conferência de imprensa após

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.